OPINIÃO

Cidadão ucraniano surpreendido a espancar namorada resiste a agentes da PSP

Por Redação CASCAIS24

30.10.2016
Um cidadão ucraniano, de 36 anos, surpreendido a agredir a namorada em plena via pública, este domingo, de madrugada, junto à praia de Carcavelos, resistiu aos agentes de uma patrulha móvel da PSP, que tiveram que pedir reforços para o dominar, confirmou a CASCAIS24 a oficial de serviço ao Comando Metropolitano da PSP de Lisboa (Cometlis).

O homem, descrito como bastante corpulento, foi surpreendido pelos agentes da PSP de Carcavelos, entretanto alertados por testemunhas de que um homem estava a espancar uma mulher.

Chegados ao local, os agentes da PSP de Carcavelos ainda terão presenciado as agressões, depois das quatro horas da manhã, mas o homem resistiu e houve necessidade de solicitar reforços.

O suspeito acabou por ser detido e deverá ser esta segunda-feira submetido a primeiro interrogatório judicial junto do Tribunal de Cascais.

Entretanto, a vítima, mulher de 44 anos, embora apresentasse alguns hematomas, recusou ir ao hospital, além de que, inicialmente, terá negado as agressões, embora existam, pelo menos, quatro testemunhas civis e os próprios agentes da PSP.

 



Comentários

NOTICIAS mais lidas

Tinha em casa soqueira e pistola de alarme

Novos autocarros com videovigilância

Pedófilo que abusaria de criança desde os 13 anos em prisão preventiva

GNR investiga assalto ao Complexo Desportivo de Alcabideche

CAXIAS vai receber 1º Campeonato Nacional de Pesca Desportiva para Surdos

PJ que terá desviado 200 mil euros de cofre milionário de mansão da Quinta da Marinha em silêncio

Foi a casa buscar caçadeira para "acalmar ânimos" mas acabou desarmado por dono de café em Tires

COVID19. Laboratórios Quilaban de ex-vereador João Cordeiro oferecem ventiladores ao hospital de Cascais para ajudar a salvar vidas

Rede transnacional de furto viciação e tráfico de carros com ramificações em Cascais